CHARNECA DE
CAPARICA / ALMADA
DAS 09H00 ÀS 21H00

Tempos livres junto de quem amamos

Fazer do tempo um aliado do amor

Tirar o melhor partido dos momentos comuns

Tempos livres

Enquanto pais trabalhamos, todos os dias, para dar o melhor aos nossos filhos. Mas quando o tempo escasseia, o trabalho acompanha-nos até casa e o fim de semana é passado em frente ao computador é tempo de pensar: será que é realmente disto que os nossos filhos precisam?

Equilíbrio: parece ser esta a palavra-chave no que toca à forma como organizamos o nosso tempo. Como pais, educadores e cuidadores, cabe-nos satisfazer as necessidades materiais dos nossos filhos mas também as suas necessidades afetivas, tão importantes quanto as primeiras. “Passar tempo em família é indispensável”, afirma a Dra. Sofia Pracana, psicóloga clínica. “Num momento em que a prioridade é segurar a capacidade económica da estrutura familiar, há frequentemente uma diminuição acentuada da disponibilidade dos pais para os seus filhos, por falta de tempo e/ou de paciência. Mas ser pai e ser mãe é uma profissão a tempo inteiro e cabe aos pais unir a família, desenvolvendo os esforços necessários para que os filhos usufruam da companhia dos pais. E os pais da dos filhos”, sintetiza.

Saber deixar o trabalho no escritório e aproveitar os tempos livres para estar com a família é fundamental para o desenvolvimento de famílias felizes e crianças seguras: “As crianças precisam de sentir que são importantes na vida dos seus pais. O alimento para a alma é tão importante para o desenvolvimento das crianças que todas elas prefeririam passar mais tempo com os seus pais em detrimento de outros bens materiais. Uma família unida por laços de afeto e pelo prazer de estarem na companhia uns dos outros é a força motriz para enfrentar as dificuldades”, acrescenta Sofia.

Assim, o lazer em família emerge como uma oportunidade preciosa de fortalecer laços e construir confiança; na verdade, na opinião de Sofia, “o lazer em família deve ser encarado com tanto respeito como qualquer outra tarefa do quotidiano”. E se programamos tanto da nossa vida, porque não estabelecer também alguns momentos reservados para estar com a família?

O quotidiano

Várias oportunidades para conviver

aproveite as oportunidades!

O quotidiano oferece várias oportunidades para conviver com a sua família, basta saber aproveitá-las:

  • Refeições em conjunto com a televisão desligada. Escute os seus filhos com atenção.
  • Ajudar o seu filho com os trabalhos de casa é também passar tempo com ele. Além disso, é uma boa forma de o ajudar a sentir-se mais seguro acerca dos seus conhecimentos e fortalecer, assim, a sua autoestima.
  • Leia uma história aos seus filhos antes de dormirem. Uma oportunidade de terem um momento em que ambos estão focados um no outro e em que podem discutir a história que leram.

TEMPO EM FAMÍLIA A PREÇOS PEQUENOS

Uma das grandes dificuldades nas saídas em família é o custo que costumam implicar. A solução é encontrar alternativas low cost ou mesmo opções gratuitas. Muitos museus e monumentos têm entrada gratuita aos domingos de manhã. Aproveite para os visitar com os seus filhos nesse horário: há menos confusão e poupa muito!

  • Almoçar fora pode sair muito caro quando se tem uma família grande. Com a chegada da primavera, por que não fazer um piquenique? Além de ser muito mais barato também é divertido e, em Portugal, não faltam parques e jardins com zonas reservadas para merendas.
  • Em vez de comprar quatro ou cinco bilhetes de cinema, alugue um filme e façam a vossa própria sessão em casa, com pipocas e tudo a que têm direito. Não só poupa nos bilhetes como na gasolina.
  • Exercitem-se juntos. Façam caminhadas no fim-de-semana, andem de bicicleta... Além de não pagar nada por isso, está a contribuir para o desenvolvimento de hábitos saudáveis. E, claro,ao mesmo tempo, a fortalecer os laços familiares.